UMA NOVA TERRA SEM UTOPIA E PESSÍMISMO!


IRMÃOS E MUITA LUZ ,FORÇA E "CORAGEM"NA CAMINHADA POR NOSSAS PRÓPRIAS ALMAS!!!

NESTE BLOG VOCÊ VERÁ NÃO APENAS UFOS , MAS TEMAS COMO PROJEÇÃO ASTRAL, CRIANÇAS ÍNDIGO, ARTES, ARTES DOS MESRES, FILÔSOFIA E ESOTÊRISMO APLICADOS Á PRÁTICA E ASSUNTOS QUE CHAMAM A CONSCIÊNCIA REFLEXIVA. DESDE JÁ RECOMENDO A LEITURA DA OBRA DE SAMAEL AUN WEOR E RABOLÚ, AMBOS MESTRES GNÓSTICOS(EM ESPECIAL O LIVRO HERCÓLUBUS DO V.M RABOLU, UM APELO A HUMANIDADE PARA QUE DESPERTE E SAIA EM ASTRAL CONSCIENTEMENTE). Há um link ali em baixo para quem quizer se aprofundar na aventura de conhecer a sí mesmo e aos deuses(delfos)está escrito gnose . ABRAÇOS E A BATALHA!




LOVE IS ALL!!!

clique nos videos abaixo para excelentes entevistas e reportagens!!!

Loading...

TODO SUPER HOMEM , DÁ SUA PRÓPRIA VIDA PELA HUMANIDADE!

TODO SUPER HOMEM , DÁ SUA PRÓPRIA VIDA PELA HUMANIDADE!
TODO SUPER HOMEM , DÁ SUA PRÓPRIA VIDA PELA HUMANIDADE!

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

TESTEMUNHO DE UMA ALMA NO CAMINHO DO IOGA.

TESTEMUNHO DE UMA ALMA NO CAMINHO DO IOGA.


EUGENIO, MEU IRMÃO E NOSSO!
EM TI VIVEM E OBRAM O AMOR E O ENSINO DO GÊNIO SOLAR CRISTICO PARAMAHANSA YOGANANDA, ARCANJO DE LUZ E MENSAGEIRO DE CRISTO JESUS. ELE, O MESTRE YOGANANDA, VIVE E OBRA NA DIMENSÃO ASTRAL, PREPARANDO JUNTO AOS AVATARES DE LUZ A GLÓRIA DE CRISTO NO MUNDO. SUA HUMILDADE E CONHECIMENTO AO MESMO TEMPO NOS DOAM FORÇA, ENERGIA E CIÊNCIA DA ESCOLA ANTIGA E SOLAR DOS VEDAS E DOS AVATARES DO BERÇO ESPIRITUAL DA MÃE TERRA. OBRIGADO IRMANO EM CRISTO. ÀS ALMAS QUE LERAM O TESTEMUNHO DE EUGENIO PODEMOS SOMENTE REPETIR UMA VEZ MAIS!

LEIAM! MEDITEM E DEDUZAM.

DO CÉU À TERRA

S. Elpidio a Mare – Itália.
10 de Setembro de 2011.
Às 10:43 horas.

Giorgio Bongiovanni. 


TESTEMUNHO DE UMA ALMA NO CAMINHO DO IOGA

Era o dia de Páscoa de 2007 quando conheci o Giorgio Bongiovanni. Meu longo percurso de Ioga, entre meditação, Bhakti Ioga, Kriya Ioga e Carma Ioga, mantinha-me então em um estado de grande paz interior acompanhado por uma alegria imensa; entretanto, algo me faltava. No coração sentia que tinha ainda um pequeno espaço que encher, percebia que meu serviço a Deus não era completo. A pesar do caminho interior a nível ético - moral, físico, mental e espiritual dentro de mim sentia a necessidade de me dar na ação ao serviço de Deus: mas como fazer? Por fim meu Mestre Paramahansa Yogananda me pegou pela mão e me conduziu onde uma grande alma a serviço da Verdade e dos valores Crísticos sem compromissos, Giorgio Bongiovanni. Vi então as obras deste homem e sua profunda devoção a Deus em viver o Evangelho de modo pragmático e coerente em cada instante de sua vida, seja íntima como pública; conheci sua ação social - a criação da revista AntimafiaDuemila, a ajuda concreta aos meninos africanos primeiro e sul americanos depois através da fundação da Associação onlus Funima International - e dentro de mim se produziu uma grande mudança. Giorgio Bongiovanni, estigmatizado de modo permanente há 22 anos, sempre ativo no serviço a Cristo em cada momento do dia, a ritmos impossíveis para um ser humano, anulando-se a si mesmo com verdadeira humildade e amor para os irmãos e com a vontade de lhes servir como mensageiro de Cristo e não de ser servido. A obra de Giorgio Bongiovanni é impulsionada por um infinito amor para o próximo, um amor que, pelo contrário, freqüentemente não é compreendido por todos porque às vezes assume também a forma da firme advertencia e da denúncia para aqueles irmãos que caem no engano para si mesmos e para o mundo. Sua luta contra as injustiças, contra a máfia, quer dizer, contra cada crime, é uma luta de amor cujo objetivo é transformar uma realidade de guerra, desigualdade, mal estar, contaminação e morte em uma nova realidade de paz, igualdade, bem estar e beleza. Também vi como ele exerce virtualmente e constantemente o desapego das coisas materiais e escutei as Verdades universais escondidas que emergiam de suas palavras além que de suas ações; escutei conselhos práticos que ajudam na ascensão para a Realização do próprio Ser acompanhados por sua coerência nas coisas da cotidianidade. O sentido de sua mensagem é a busca do Reino de Deus no coração que se manifesta no altruísmo, na eqüidade, na solidariedade e na sede de Justiça… (“Bem mais, procurem primeiro o reino de Deus e sua justiça, e todas estas coisas lhes serão acrescentadas”. (Mateus 6,33).   
Durante a última conferência que teve lugar em Floridia em 04 de setembro de 2011, alguém perguntou a Giorgio Bongiovanni: “Mas o que tem haver você com o Ioga?”. Pratico e ensino há anos o Ashtanga Ioga e penso que posso dar meu testemunho a respeito. O Ashtanga Ioga, etimologicamente “o ioga dos oito estádios ou elementos (anga)”, não é, como alguns acreditam, outro ramo do ioga nenhuma disciplina individual, mas sim é o próprio ioga, a milenar disciplina que nos foi transmitida pelo mestre Patanjali, um percurso interior individual que leva a cada ser a completar-se humanamente e espiritualmente, mediante a tomada de consciência da parte divina que está nele e da união com o único Deus (“Vós sois deuses…” - João 10,34); é um valente percurso de claridade interior cujo pressuposto é ficar despido com humildade sobretudo diante de si mesmos.  Os oito passos descritos nos textos sagrados são os seguintes:
1 - YAMA, o primeiro degrau, não porque seja de menor importância, mas sim porque é a base imprescindível de tudo: os princípios éticos da não violência física e mental para si mesmos e para outros; o altruísmo; a verdade, quer dizer a recusa da mentira e da falsidade inclusive a custa de serem incômodos e não gratos a outros; a castidade, que não se deve entender somente como abstinência sexual, mas também como vida sexual disciplinada que, em vez de nos privar de energia vital, a reforça e a amplifica nos deixando em um estado de plenitude e de união com o outro; livrar-se de todo apego, quer dizer do instinto do desejo e da posse material, emotiva e intelectual que nos apanham no ciclo kármico das reencarnações.    
2 - NIYAMA: pureza e limpeza do corpo, dos pensamentos, do ambiente que nos rodeia e das pessoas que temos ao redor; cultivar a capacidade de contentar-se e estar contentes, uma válida ajuda contra o desejo, a cólera, a inveja, a cobiça e a ambição; a autodisciplina e a austeridade que pressupõem a vontade de purificar mente e corpo; o estudo do próprio ser; enfim, a devoção a Deus que nos permite transcender além de nós mesmos. Niyama é portanto um código de conduta que forja o comportamento do indivíduo, afasta a inércia com uma corrente positiva que engendra disciplina e perseverança.   
3 - ASANA: os asanas são posições estáticas que se exercem na respiração que ajudam a gerar energia, distribuí-la no corpo e conservá-la, permitindo assim de reativar pontos energéticos bloqueados há tempo que e portanto curar várias patologias. Consciência, reflexão, concentração, imobilidade, escutar-se a si mesmos devem acompanhar sempre cada movimento para que os benefícios se reflitam do corpo físico ao anímico.   Os cinco estádios sucessivos são:  
4 - PRANAYAMA, quer dizer o controle da respiração e do fluxo vital;  
5 - PRATYAHARA, a abstração dos sentidos dos objetos sensíveis;   
6 - DHARANA, a concentração;  
7 - DHYANA, a meditação;   
8 - SAMADHI, a união com Deus, o êxtase místico.
Como nos ensina a antiga prática, portanto, antes de chegar às posições do Hatha Ioga e ainda mais à frente, à meditação, é necessário estar na Verdade com intenções e feitos, o qual implica ter a coragem da denúncia para não ser cúmplice de valores nefastos que sujam a União com Deus. A meditação não consiste somente no isolar-se para conseguir paz, calma e serenidade; muitos, que ficam na racionalidade, não compreendem o verdadeiro significado e ficam em um estado que é só uma panacéia (ou remédio para todos os males) de alegria e paz pessoal. As grandes provas da vida, pelo contrário, põem em tela deste julgamento estado de isolamento egoísta e tudo perde valor. Isto ocorre porque a meditação não é somente uma experiência em que, estando sentados, trata-se de anular a mente e experimentar nossa essência divina, mas sim é também meditação ativa, quer dizer, o estado que deve ser levado a ação e na plena consciência de servir a Deus. É um estado de equilíbrio, escuta, consciência e de estar centrados aplicado na vida cotidiana, em cada instante; é a ferramenta que aumenta a claridade, a força de vontade, a concentração, a coragem e a energia que depois se manifestarão na ação a favor do próximo, em defesa dos inocentes, do Planeta, a apoio dos Justos em todos os campos civil, científico e social que trabalham marginalizados ou obstacularizados porque se opõem ao sistema, dos jovens que tentam denunciar e dar a cara contra a injustiça até sacrificar sua própria vida. Da mesma maneira, a oração deve tomar vida na ação, não só deve ser rezada (“Não só quem diz, “Senhor, Senhor”! entrará no Reino, mas sim aquele que fará a vontade do meu Pai que está nos Céus” (Mateus: 7,21-23). Isto é o que os grandes Mestres nos ensinaram: Embora eles já tivessem alcançado a união com Deus e a tivessem experimentado plenamente no estado do Samadhi consciente, encarnaram-se nesta Terra para dar ao homem o exemplo, uma mensagem: a Alma se purifica e se fortalece para preparar-se a descender no mundo e trabalhar concretamente a favor dos valores do Espírito, a Justiça, o Amor, a Verdade com sentido de sacrifício e alegria. A Bhagavadgita Krishna não diz “pratica seis horas ao dia”, mas sim diz em estar no Ioga, em estar sentados no Ioga e em seguida lutar, quer dizer atuar! Estar no Ioga significa começar pela gente mesmo para expandir a própria consciência individual na consciência coletiva já que a evolução individual ajuda a evolução da coletividade: utilizando a vida como meio para levar uma mudança de consciência através da educação, a família, o trabalho, o homem se converte em um Yogi permanente que leva a disciplina em qualquer lugar que vá. Durante o último congresso internacional organizado em Agarram em abril de 2011 pela Federação Italiana Ioga, o doutor Ananda Reddy, diretor do Centro de Investigação Sri Aurobindo de Pondicherry, testemunhou que muitos dos ascetas hindus que, depois de anos de renunciar ao mundo e de prática constante de Ioga e meditação, descem das montanhas do Himalaya para levar seu ensinamento, experimentam um estado de frustração e sofrimento causados pelo impacto com nossa sociedade e nosso estilo de vida; não ter experimentado a dualidade leva inclusive a alguns deles ao colapso físico e psicológico.   
Quantos devotos e praticantes iogas estão no mundo! Quantos si anulam completamente para servir a Cristo? Quantos mestres estão no mundo que ensinam teoricamente estes preceitos? Muitos. E quem põe em prática alguns dos ensinamentos? Poucos. E quem põe em prática todos? 
Agora que conheço pessoalmente Giorgio Bongiovanni e que lhe contato há anos, à pergunta que lhe foi formulada durante a conferência “O que tem haver você com o Ioga”?, respondo: “Giorgio, você tem haver e muito com o Ioga, porque o põe em prática em cada instante”! Embora Giorgio não pratique o Ioga tradicional, como mestre de Ioga posso testemunhar que vi o Giorgio Bongiovanni levar a prática os oito graus descritos pelo Patanjali, até ao Samadhi: vejo-lhe praticá-los a cada dia, até dar a vida, quando assinala com o dedo os malvados com o candil do coração sempre aceso e as mãos bem firmes sobre o arado, quando anuncia a Vinda do Amado Cristo com seus anjos e lhe preparar um caminho de Amor e Justiça. Assim como ele, também os que lhe acompanham, entre eles muitos jovens que conscientemente escolheram dar a vida em servir a obra, são como grandes guerreiros de Luz, sempre acordados e preparados.  

É assim, graças a este encontro, que minha vida de homem e ensina dor de Ioga mudou e hoje, junto a minha companheira de vida Leia e a nossos dois meninos, somos felizes e também nós escolhemos abraçar a obra dedicando a ela toda nossa vida e percorrer o caminho, que Giorgio Bon Giovanni esta grande alma, traçou. 

Com devoção e amor, inclino-me diante de todos vós,
 
Eugenio Riganello, Arca Adonay, Crotone.  


09 de Setembro de 2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...